terça-feira, 20 de abril de 2010

levou

Veja onde o tempo me levou
me levou para tão longe
longe de quem eu amo
Porque o amor não é leve como o desejo
O desejo que voa ao deileite de quem sompra
Quem sopra o vento, soprou seu desejo para longe de mim
Soprou meus sonhos para longe de ti
e hoje corri o mundo
O engraçado de se correr é que se volta ao inicio
quem não volta se perde
E hoje me perdi
O vento me levou
levou mente
alma e coração